Mulher suspeita de vender atestados médicos falsos em Indaiatuba é presa pela Polícia Militar

Pris√£o ocorreu em flagrante na Vila Brizola. Ela admitiu o crime e confirmou a venda de documentos pelas redes sociais.

Mulher suspeita de vender atestados médicos falsos em Indaiatuba é presa pela Polícia Militar

Uma mulher foi presa na última segunda-feira, 1¬į, por vender atestados médicos falsos em Indaiatuba, conforme informa√ß√Ķes a Polícia Militar. Abordada numa rua da Vila Brizola com um documento no nome de outra pessoa e, de acordo com os policiais, ela admitiu que j√° havia vendido cerca de 30 atestados. Os policiais faziam patrulhamento pela rua Mario de Almeida quando abordaram a mulher e encontraram o atestado. Perguntada de quem era o atestado, ela n√£o soube responder e depois admitiu que iria vend√™-lo. Além dos atestados, a mulher fazia a venda de receitas médicas e declara√ß√Ķes e avisos de óbito falsos. No quarto dela, os policiais encontraram v√°rios documentos falsificados.

O "modus operandi" da mulher era anunciar documentos falsificados pelas redes sociais e vend√™-los com entrega pessoal. Na última semana ela j√° tinha comercializado 30 atestados. Além de documentos falsos assinados por ela no nome de outras pessoas, os policias ainda encontraram no local um tal√£o em branco de aviso de óbito em duas vias, folhas de receitu√°rios de controle especial e folhas de declara√ß√£o. Ainda segundo a PM, ela teria furtado os documentos em branco de dentro de um hospital após passar por um atendimento. Após isso, confeccionou carimbos com o nome do médico que a atendeu. A mulher foi levada para a delegacia e a Polícia Civil determinou a pris√£o em flagrante por falsidade ideológica e furto.